ENXAQUECA, A MICROFISIOTERAPIA PODE ELIMINAR ESTE TRANSTORNO

DEPRESSÃO, A MICROFISIOTERAPIA AJUDA NA SUA RECUPERAÇÃO
29/09/2016
Doenças Reumáticas
03/10/2016

ENXAQUECA, A MICROFISIOTERAPIA PODE ELIMINAR ESTE TRANSTORNO

ALERGIASA Microfisioterapia trata a causa (2)

As dores são um dos sintomas mais comuns na medicina, sendo uma das queixas mais frequentes nas consultas a clínicos, pediatras, neurologistas e fisioterapeutas. A cefaleia é um sintoma universal no ser humano.

As cefaleias podem ser divididas em primárias e secundárias:

As primárias são as mais comuns. Entre elas estão as enxaquecas, cefaleia de tensão, cefaleia em salvas. Outras formas menos comuns: cefaleia do esforço, cefaleia da tosse, cefaleia por estímulo frio.

As cefaleias secundárias são aquelas causadas por alguma outra doença, tal como tumores cerebrais, traumatismo craniano, meningites, acidente vascular cerebral (derrame), hidrocefalia, herpes-zoster, aneurismas.

Analgésicos comuns, anti-inflamatórios, dipirona, entre outros medicamentos, são receitados. Ainda existem pacientes que tomam remédios preventivamente quando apresentam dores com frequência alta ou com crises de forte intensidade e que não respondem satisfatoriamente à medicação sintomática.

Sabemos, portanto, que a cefaleia é um sintoma e isto quer dizer que nosso corpo está nos dando um sinal de que algo não vai bem em nosso corpo. Ao medicarmos, apenas mascaramos alguma doença e isto pode ter consequências graves.

A Microfisioterapia se mostra muito eficaz no tratamento das cefaleias e enxaquecas pois busca a causa real de tais sintomas e estimula o corpo a auto corrigir-se, através de sua força de cura, que é inerente ao corpo humano.

Ainda, durante a sessão de Microfisioterapia, é possível datar acontecimentos que possam ter a ver com tais sintomas.

Os comentários estão encerrados.